André Braga

Outubro 2022

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
28
29
30
31

Pesquise

 

Publicações

Xeque-mate

Um sórdido arquétipo

Delícia e dissabor

Juventude transviada

Uma mera etiqueta

Mãos à obra

Detrito federal

Vila Rica

São Paulos*

A invasão

A marcha dos valdevinos

Para Florbela

Ele lê mim

Poesia gera poesia

Manoel de Barros

MundoMundano e o seu novo...

2º livro do MundoMundano

Roberto Piva

Florbela

No Espelho do Relicário

Olhos de Cecília

Lançamento: Plenitude - V...

Lançamento: Antologia de ...

Lançamento do meu livro: ...

Mais Valia

Florbela - Didicatória

Primeira entrevista - Câm...

Lançamento: Os mais belos...

Lançamento: Antologia de ...

Lançamento: Antologia de ...

Lançamento: Antologia de ...

Lançamento: Um traço, UM ...

Lançamento: Diálogos que ...

Lançamento: Minhas Eterna...

Confira também



subscrever feeds

Quarta-feira, 21 de Setembro de 2022

Xeque-mate

xeque-mate.jpg 

Siga no instagram e twitter @ABPoeta

Publicado por AB Poeta às 23:48
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Domingo, 11 de Setembro de 2022

Um sórdido arquétipo

um sordito arquetipo.jpg 

Siga no instagram e no twitter @ABPoeta

Publicado por AB Poeta às 23:11
Link do post | Comentar | ADD favoritos

Delícia e dissabor

delicia e dissabor.jpg 

Uma brincadeira com o poema Delícia, de Mario Quintana.

Siga no instagram e no twitter @ABPoeta

Clique no assunto: , , ,
Publicado por AB Poeta às 23:08
Link do post | Comentar | ADD favoritos

Juventude transviada

juventuda transviada.jpg 

Siga no instagram e no twitter @ABPoeta

Clique no assunto: , ,
Publicado por AB Poeta às 23:04
Link do post | Comentar | ADD favoritos

Uma mera etiqueta

uma mera etiqueta.jpg 

Siga no instagram e no twitter @ABPoeta

Publicado por AB Poeta às 22:52
Link do post | Comentar | ADD favoritos

Mãos à obra

maos a obra.jpg 

Siga no instagram e no twitter @ABPoeta

Clique no assunto: , ,
Publicado por AB Poeta às 22:34
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Quarta-feira, 20 de Julho de 2022

Detrito federal

 

O desgoverno do boçal

uma bela duma desgraça

subiu ao planalto pela rampa

vai descer pela descarga

 

É tanta bosta

que a tudo enlameia

vai transbordar a fossa

e ir parar na cadeia

 
Publicado por AB Poeta às 02:55
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Sexta-feira, 20 de Maio de 2022

Vila Rica

 

Minha fé é do tamanho

da pepita que desenterra

e quanto mais dessa terra jorre

mais ao céu se sobe a torre

 

Chamem arquitetos, escultores

para edificar do barro o barroco

teremos muitos santos do pau oco

pecados a expiar dos pecadores

 

Traga a mão obra que for preciso

arrastem as correntes por mar a fora

ao luso rei o quinto indenizo

aos escravizados a palmatória

 
Publicado por AB Poeta às 00:51
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Quarta-feira, 6 de Abril de 2022

São Paulos*

   

   Conheço essa cidade

como a palma da minha marmita

   Ouvi dizer que tem palácio

o ponto sei onde fica

 

   Só não sei da sanidade

a fina flor que aqui se pica

   Ser, eu tento. Quem sabe

esta cidade me coisifica

 

*Uma brincadeira com o poema Curitibas, de Paulo Leminski.
Publicado por AB Poeta às 20:35
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Domingo, 29 de Agosto de 2021

A invasão

 

Sérgio Reis tocará o berrante
virá correndo o Batoré
frente à manada ignorante
“heil bozo!”, “glória deus!”, “anauê!”

Invadirão o STF, “viva o golpe!”
que transbordará feito uma fossa
Com força equina, num galope
relincharão “a praça é nossa!”

 

Publicado por AB Poeta às 18:37
Link do post | Comentar | ADD favoritos

A marcha dos valdevinos

 

Somos todos patriotas
empunhamos o fuzil
atiraremos pelas costas
para a glória do Brasil

O golpe é a nossa marca
pela história já se viu
O capitão nós seguiremos
para a glória do Brasil

Muita grana no bornal
a fanfarra em tom febril
afunda a pátria iremos
para a glória do Brasil

Já não temos serventia
a sucata já ruiu
só nos resta a política
que se dane o Brasil

 

Publicado por AB Poeta às 18:35
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Domingo, 27 de Setembro de 2020

Para Florbela

 

Às vezes escrevo versos raros

tão raros que os guardo para ti

Versos afeitos aos teus ardorosos

poemas, os mais cálidos que já li

 

Teço, de raro em raro verso

mesmo com vocabulário parco

uma ode que a ti com eles faço

fulgor sincero do meu peito emerso

 

E por essas linhas mal traçadas

dois tercetos duas quadras

rogo à su'alma de bela poetiza

 

Nossas vidas em cosmos separadas

mas por afinidade outrora unidas

se aproximam agora por essa poesia

 

Clique no assunto: , , ,
Publicado por AB Poeta às 18:01
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Quinta-feira, 1 de Agosto de 2013

Ele lê mim

 

e lê lê

ele lê

ele leme

ele lê me

ele lê mim

ele lê mins

ele lê mins que

 

Ele

Leminski

 

Clique no assunto: , , ,
Publicado por AB Poeta às 03:58
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Sábado, 17 de Novembro de 2012

Poesia gera poesia

 

Não é difícil o quanto pensamos

Muito menos é uma proeza

 

Vileza não se acaba com reza

pra viver em harmonia

é só seguir uma alegria:

gentileza gera gentileza

 

 


Clique no assunto: , , ,
Publicado por AB Poeta às 13:18
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Quarta-feira, 21 de Dezembro de 2011

Manoel de Barros

 

Quando se lê Manuel, gente se árvore

chega  brotar passarinho

na cuca

e caramujo

na alma

 

Trilha aberta na mata por palavra

pra ouvir o silêncio da pedra

 

Deita grama no verde

pra ver céu

riscado brilhoso

de lesma

 

Um rio que passa atrás dos olhos

 

Manoel é de barros

eu sou menos

sou de asfaltos

 

 

 

Clique no assunto: , , , ,
Publicado por AB Poeta às 12:49
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Sexta-feira, 18 de Novembro de 2011

MundoMundano e o seu novo mundo

 

Está à venda o 2º livro do MundoMundano. Nessa edição foram publicados dois textos meus!

 

Compre-o!

 Clique aqui e saiba como adquiri-lo.

 

Publicado por AB Poeta às 18:55
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Terça-feira, 25 de Outubro de 2011

2º livro do MundoMundano

 

MundoMundano se prepara para lançar seu segundo livro de contos, crônicas, poesias e afins, e eu tenho a honra e felicidade participar dessa segunda edição.

 

Todos estão convidados para a festa de lançamento.

 

 

Publicado por AB Poeta às 12:52
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Segunda-feira, 29 de Novembro de 2010

Roberto Piva

 

 

Roberto Piva - 1937/2010

 

Clique no assunto: , , , , ,
Publicado por AB Poeta às 19:50
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Domingo, 28 de Novembro de 2010

Florbela

 

Quando teu olhar cruzou com minha dor

Voltei ávido para a vida

De forças renovado para a lida

E entendi o significado da palavra Amor

 

Obrigado minha Flor

 

 

 

Florbela Espanca - 1894/1930

 

Clique no assunto: , , ,
Publicado por AB Poeta às 13:01
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Sábado, 27 de Novembro de 2010

No Espelho do Relicário

Não costumo publicar poemas não meus no blog, mas me identifiquei muito com este, dum poeta amigo:

 

 

No Espelho do Relicário

(Do poeta Teofilo Tostes Daniel ao amigo maluco Marcelo Tosta, o título e o poema)

 

Cansei de ser um personagem secundário,

E justo dentro desta minha própria vida!

Já me cansei de ter a essência corroída

Sempre por mim, em meu espírito sectário.

 

Não mais desejo eu habitar meu relicário,

Já tão vazio de meu rosto e da querida

Lembrança física de um tempo em que ferida

Era somente um anormal vocabulário

 

O que é tristeza e o que é meu peito eu já não sei.

O meu sorriso é tão sincero quanto à lei

Que, nos meus olhos, rege límpida maré.

 

Há secas lágrimas, furtivas esta noite!...

Desde a epigênese que sofro este açoite:

Estou sozinho desde a “Arca de Noé”.

 

 

Do livro: Poemas para serem encenados

http://www.teofilotostes.blogger.com.br/

 

Clique no assunto: , , , ,
Publicado por AB Poeta às 10:08
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Follow ABPoeta on Twitter
Instagram

Compre meus livros


Livros por demanda


Poesias declamadas



Todas as publicações

Clique no assunto

todas as tags