André Braga

Outubro 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Pesquise

 

Publicações

Sobre nossos ombros

1000 dias de regresso

O agro é

Futuro

Clara escuridão

Fome

Trambolho

Criacionismo

Jair e o pé de feijão

Sextou!

A invasão

A marcha dos valdevinos

A nova independência

O dia do golpe

#ForaBolsonaro

O agro é pop

Rega-bofe

Medidas

“Ô abre alas que eu quero...

o pulso ainda pulsa...

Tempos frios

Espelho meu

Frio

Expiação

Mitomania

Tropa laranja

um poema solto no espaço....

Copropolítico

Marcha do xilindró

Fecopolítico

Credo

Habeas porcos

Síndrome de Estocolmo

Necropolítica

Nas ruas

Já vai tarde

Estafeta do capeta

O homem sem qualidade

Dor nossa de cada dia

A alegoria como verdade

2022

Golpistas

Brasil à deriva

Marchinha do militar com ...

"Eggo"

A flor do jardim

Aquários

Cala boca já morreu

Corticoides

Bandeira preta

Confira também



subscrever feeds

Quinta-feira, 25 de Março de 2010

Eu poeta

 

Cresci comendo lixo

Pensando no luxo

Formando o léxico

Nasci do sexo

 

Pecado que se peca sem remorso

Amo o ócio

O melhor dos ofícios

 

Entre os edifícios

Leio as almas

Escuto os suplícios

Transformo-os em rimas

 

Poetizo o óbvio

Que de tão óbvio

Não se vê e nem se escuta

O verbo é único: labuto, labuta...

 

Verso para viver

É o meu poder grafado

Milenar saber

Pelos outros, deixado de lado

 

No esquecimento eterno

Que a indiferença decreta

Sou mais um poeta

A viver no inferno

 

Clique no assunto: , ,
Publicado por AB Poeta às 20:24
Link do post | Comentar | ADD favoritos
10 comentários:
De Hélio Aguiar a 28 de Março de 2010 às 21:17
muito boa as poesias andré, gostei mesmo.

abraços,
Hélio
De AB Poeta a 28 de Março de 2010 às 22:04
Fala Helio, blz! Valeu pelo comentário. Vou dar uma olhada no seu tbm!

abrçss
De Marcelo Canto a 8 de Março de 2011 às 13:54
Muito boa poesia André. Poetar é ser obreiro da palavra.
saudações literárias
Marcelo Canto
De AB Poeta a 8 de Março de 2011 às 14:56
Opa, que bom que gostou!

Fique à vontade para opinar nas outras.

Abrçss
De Claudete Silveira ( Clau Poeta) a 19 de Abril de 2011 às 17:09
André, vim dar uma espiadinha no teu blog e conhecer teu trabalho. Fiquei encantada com o pouco que li até agora, vou virar fã.
Parabéns!
Beijos!
De AB Poeta a 19 de Abril de 2011 às 17:36
Oi Clau, fico feliz que tenha gostado! Obrigado pelos elogios.

Fique à vontade para opinar.

bjos
De Leo Vik a 6 de Abril de 2013 às 15:00
Maravilha,

Parabéns pela obra! Ser poeta é viver poeta.

Um abraço, e um convite pra uma visita:
http://dopoaopoeta.blogspot.com.br/

Leo
De AB Poeta a 6 de Abril de 2013 às 15:15
Vlw Leo, obrigado pelo comentário. Vou dar uma passada no seu blog tbm!

Abrçs
De Remisson a 11 de Agosto de 2014 às 12:13
Olá, André, como vai? Depois de receber seu convite no Twitter, vim conferir seu blog e descobri que seus poemas são realmente diferenciados, muito bem tecidos e envolventes. Parabéns pelo seu talento.
Abraço.
Remisson
De AB Poeta a 11 de Agosto de 2014 às 22:46
Vlw brother, pelo comentário!

Fique à vontade para opinar.

Abrçs

Comentar post

Follow ABPoeta on Twitter
Instagram

Compre meus livros


Livros por demanda


Poesias declamadas



Todas as publicações

Clique no assunto

todas as tags