André Braga

Julho 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Pesquise

 

Publicações

Tropa laranja

um poema solto no espaço....

Copropolítico

Marcha do xilindró

Fecopolítico

Credo

Habeas porcos

Síndrome de Estocolmo

Necropolítica

Nas ruas

Já vai tarde

Estafeta do capeta

O homem sem qualidade

Dor nossa de cada dia

A alegoria como verdade

2022

Golpistas

Brasil à deriva

Marchinha do militar com ...

"Eggo"

A flor do jardim

Aquários

Cala boca já morreu

Corticoides

Bandeira preta

A bolsoquadrilha

Outros 500?

Freak Show

Harmonia

Asseclas do capitão

Huck, o incrível

Aos bolsolixos II

Tome a vacina

Picanha pra mim, pra você...

Imunidade de rebanho

Fármacos

Tico e Teco

Coprófilos

Aos anais da pandemia

Por uma única bandeira

Comparsas

Motoataxia

6 anos atrás

Sem máscara

A máquina da morte

Aos bolsolixos

CPI dos acovardados

O orgulho de ser burro

O socialismo que produz m...

Fés

Confira também



subscrever feeds

Terça-feira, 1 de Junho de 2021

No vácuo

 

Várias variantes
de vermes e vírus

Várias variáveis
e vícios nocivos

Várias vacinas
vetadas à vida

Várias vidas
à deriva
a ver navios...

 

Clique no assunto: , , , ,
Publicado por AB Poeta às 19:45
Link do post | Comentar | ADD favoritos

Covid

 

Um micro-organismo
que paira pelo ar
bagunça seu metabolismo
tente não o respirar
Caso entre em suas vias
ele vai te sufocar

Há quem creia que é mentira
nessa pátria cheia de gênios
mas é a ignorância que ocupa
os cérebros sem oxigênio

Todo cuidado é pouco
mas tome mesmo assim
isso é o que pode evitar
o início de um rápido fim

 

Clique no assunto: , , ,
Publicado por AB Poeta às 19:40
Link do post | Comentar | ADD favoritos

Por um fio

 

Da certeza à incerteza
um mero instante
De repente, tudo errado
péssima surpresa

O peito cheio de vida
fica por um fio de ar
Num breve piscar
de olhos, esvazia

Carpo e mente, sinergia
lutam em defesa
fé, força, energia
e a incerteza volta à certeza

 

Clique no assunto: , , , ,
Publicado por AB Poeta às 19:34
Link do post | Comentar | ADD favoritos

Papada

 

Missa, vinho e pão:
até o santo sabe
bota cachaça na trinca
ninguém vive só de pão
menos ainda de oração

 

Clique no assunto: , , ,
Publicado por AB Poeta às 19:28
Link do post | Comentar | ADD favoritos

Recordações

 

Entre conhas e coxas
produtos industriais
Produtos do meio
meio aos poucos animais

A natureza que resta
é oferecida em pacotes
doses caras, homeopáticas
viram selfies e nada mais

Um sistema a menos
uma foto a mais, tanto faz
um dia, as belezas naturais
só existirão em redes sociais

 

Clique no assunto: , ,
Publicado por AB Poeta às 19:20
Link do post | Comentar | ADD favoritos

Ruínas do Lazareto

 

O açúcar se seus escravos
Imigrantes e suas mazelas
Agruras de seus condenados

Da história, poucos cacos
sombrias ruínas de celas
urubus e a fome por mortos

 

Clique no assunto: , ,
Publicado por AB Poeta às 19:18
Link do post | Comentar | ADD favoritos

GEN. Ocida e a CPI

 

Atrás da Covid 19
se esconde o covarde 17
um cocô de primeira
general de zero estrela

Fuzil na bandoleira
só, debaixo da mesa
chora, de farda suja
e o cu na mão

 

Clique no assunto: , , ,
Publicado por AB Poeta às 19:11
Link do post | Comentar | ADD favoritos
Follow ABPoeta on Twitter
Instagram

Compre meus livros


Livros por demanda


Poesias declamadas



Todas as publicações

Clique no assunto

todas as tags