2 comentários:
De Paulo Ortiz a 22 de Dezembro de 2010 às 11:55
Bem legal o relato pessoal.
Não curto o tom barroco-discursivo que às vezes cresce
e quase engole o seu texto, tirando um pouco da fluência.
Tá certo que, noutros momentos, isso me emocionou:
"pérola de pétala púrpura e pura".
Alguma formalidade é o que me incomoda.
Gostei da reviravolta no final.
Parabéns pela produção!
De AB Poeta a 22 de Dezembro de 2010 às 11:57
Vlw pelo comentário!

Fique à vontade para opinar.

abrçss

Comentar post